LABIRINTOS DO VIVER
47 - PSICODAM 7 VIOLÊNCIA DOMÉSTICA
newsletter
2017-06-12 00:00:06
Vivam Enquanto Têm Oportunidade
“Tudo quanto te vier à mão para fazer, fá-lo conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra, nem indústria, nem ciência, nem sabedoria alguma.” Eclesiastes 9:10.

Solene coisa é morrer, mas muito mais solene é viver. Cada pensamento, palavra e acto da nossa vida será novamente enfrentado. O que fazemos de nós mesmos no tempo da graça, é que deve permanecer por toda a eternidade. A morte traz a dissolução do corpo, mas não opera mudança no carácter. A vinda de Cristo não nos muda o carácter; fixa-o apenas para sempre, ficando para além da possibilidade de qualquer mudança. …

Lanço novamente um apelo aos membros da igreja, para que sejam cristãos, para que sejam semelhantes a Cristo. Jesus foi um obreiro, não para Si mesmo, mas para os outros. … Se são cristãos, imitarão o Seu exemplo. …

Meus irmãos e irmãs, rogo-vos, despertai do sono da morte. É demasiado tarde para consagrar as forças do cérebro, dos ossos e dos músculos, ao serviço do próprio eu. Não permitam que o derradeiro dia vos encontre destituídos do tesouro celeste. Procurem levar avante os triunfos da cruz, busquem esclarecer almas, trabalhar pela salvação dos vossos semelhantes, e o vosso trabalho resistirá à concludente experiência do fogo. 2TS, págs. 167, 168.

Lembremo-nos que o nosso trabalho, ainda que o não tenhamos escolhido, deve ser aceite como tendo sido escolhido por Deus para nós. Seja agradável ou não, temos obrigação de cumprir o dever que se nos apresenta. “Tudo quanto te vier à mão para fazer, fá-lo conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde vais, não há obra, nem indústria, nem ciência, nem sabedoria alguma.”

Se o Senhor deseja que levemos uma mensagem a Nínive, não Lhe será agradável que vamos a Jope ou a Cafarnaum. Ele tem motivos para nos enviar aonde os nossos passos foram dirigidos. Talvez que lá houvesse alguém em necessidade do auxílio que lhe poderíamos prestar. CBV, pág. 473.

Qualquer que seja o ramo de trabalho em que estejamos empenhados, a Palavra de Deus ensina-nos a não sermos “vagarosos no cuidado”; e a sermos “fervorosos no espírito, servindo ao Senhor.” … “sabendo que recebereis do Senhor o galardão da herança, porque a Cristo, o Senhor, servis.” Rom. 12:11; Col. 3:24. PJ, pág. 346.

Por:
Partilhe:
Emissão Online
Copyright 2017 Rádio RCS